Prof.Dr.Luis Carlos Figueira de Carvalho

Widgets

Translate this Page
POS GRADUAÇÃO
Por que fazer uma pós-graduação?
Melhorar curriculo
Ver Resultados

Rating: 2.8/5 (2290 votos)




ONLINE
2






Controle de microrganismos

Controle de microrganismos

O controle de microorganismos se refere às diferentes formas de matar ou remover os microorganismos, reduzir o número e inibir o crescimento. O método de escolha depende do tipo de material que contém o microrganismo. Este controle pode ser feito através de métodos físicos e métodos químicos. Abaixo estão os principais métodos físicos.

Calor- Quando uma população de bactérias é submetida ao calor, suas proteínas são desnaturadas. Há fluidificação dos lípideos na presença de calor úmido. Os microorganismos são considerados mortos quando perdem a sua capacidade de se multiplicar de forma irreversível. Quando falamos de calor seco, oxidação. Porém devemos levar em consideração que cada microorganismo responde de uma forma, de acordo com sua resistência, quantidade e estágios metabólicos. O método a ser escolhido deve ser aquele mate as formas mais resistentes de microorganismos. Os três parâmetros que podem expressar essas diferenças: temperatura, tempo e grau de resistência.

Quando uma população microbiana é submetida ao calor, a redução do número de indivíduos viáveis ocorre de forma exponencial. Portanto, quanto mais tempo se passar exposto ao calor, menor a quantidade de microorganismos em determinado meio. Segundo Flavio Alterthum, um material será considerado estéril quando trabalhamos na faixa de probabilidade de encontrar um indivíduo vivo é de 1/10-6 (um para um milhão).

 Calor úmido

a) Fervura

O mecanismo de ação da fervura é a desnaturação de proteínas. Não é um método de esterilização, mas após cerca de 15 minutos de fervura pode matar uma grande quantidade de microorganismos, mas não é eficaz contra endósporos bacterianos e alguns vírus. Normalmente este método é utilizado em desinfecções caseiras, preparo de alimentos, etc.

b) Autoclavação

O mecanismo de ação da autoclavação é a desnaturação de proteínas. Se os materiais a serem submetidos à autoclavação não forem deformados pelo calor ou umidade, este é o melhor método a ser empregado. A autoclave é um aparelho que trabalha com temperatura e pressão elevadas. Quando os microorganismos estão diretamente em contato com o vapor a esterilização é mais eficaz. Utiliza-se esse processo para esterilização de meios de cultura, soluções, utensílios e instrumentos

c) Pasteurização

 O mecanismo de ação da pasteurização também é a desnaturação de proteínas. Este método foi desenvolvido por Louis Pasteur em 1846. Consiste em aquecer o produto em uma determinada temperatura, por um certo tempo e logo após, resfriá-lo. Este processo reduz o número de microorganismos, mas não assegura sua esterilização. Muito utilizado na esterilização de leite, creme de leite, cerveja, vinho, etc.

 

Calor Seco

a) Flambagem - É um método simples, porém muito eficaz. Consiste em colocar a alça de platina diretamente sobre o fogo, oxidando todo o material até virar cinzas.

b) Incineração - Também é muito eficaz. Utilizado para incinerar diversos tipos de materiais, como papéis, materiais hospitalares, carcaças de animais, etc. Também oxida todo o material até virar cinzas.

c) Fornos - Normalmente é utilizado para esterilizar vidrarias. Deve-se atentar bem à relação tempo x temperatura.

 Filtração

A passagem de soluções ou gases através de filtros retém os microorganismos, então pode ser empregada na remoção de bactérias e fungos, entretanto, passarão a maioria dos vírus.

 

Radiações

 Dependem do comprimento de onda, da intensidade, da duração e da distância da fonte para esterilizar.

 

Ionizantes

 Utilizam radiações gama, mas tem um custo elevado. Formam radicais superativos e destroem o DNA. Utilizado para esterilização de produtos cirúrgicos.

 Não-ionizantes

A mais empregada é a luz ultravioleta, que altera o DNA através da formação de dímeros. As lâmpadas germicidas são de baixo poder de penetração.

 

Baixas temperaturas

 Não têm efeito esterilizante, apenas interrompem o crescimento bacteriano, preservando os microorganismos.

 Microondas

 As radiações emitidas não afetam o microorganismo, mas geram calor, esterilizando meios de cultura e materiais. Por isso têm sido cada vez mais utilizados.

Indicadores Biológicos

Neste método, suspensões-padrão de esporos bacterianos são submetidos à esterilização juntamente com os materiais a serem esterilizados. Após o processo, os indicadores são colocados em meios de cultura adequados. Se não houver crescimento, é porque o processo de esterilização foi eficiente.

Pressão Osmótica

Quando em contato com meios hipertônicos (alta concentração de sais e açúcares) as células dos microorganismos perdem água por osmose, ficando murchas, impedindo assim o crescimento bacteriano. Método utilizado para conservar alimentos.

 Dessecação

Este é um método para preservação de microorganismos. Sabe-se que na ausência de água alguns microorganismos têm o seu metabolismo reduzido e até ausente, porém permanecem viáveis. Através da liofilização a água é removida do interior das células e os microorganismos são preservados em condições especiais de armazenamento e temperatura.

 

Bibliografia: Luiz Rachid Trabulsi e Flavio Alterthum. Microbiologia, São Paulo: Atheneu, 2008.

 

QUESTÕES

 

  1. Cite os indicadores para o Controle de Qualidade para Esterilização RESP = A) Indicadores Biológicos - Esporos bacterianos escolhidos de acordo com o processo; B)  Indicadores Químicos - Para a maioria dos processos; C) Indicadores Físicos - parâmetros mecânicos. Temperatura em toda a câmara Teste de vazamento da câmara. Teste de bowie-dick

  2. Diferencie os processos de esterilização pelo calor seco do calor úmido. 

    CALOR SECO

    CALOR ÚMIDO

    •Flambagem: utilizado em alça de platina, pinças, etc.

    •Incineração: utilizado em lixo hospitalar, carcaças de animais, etc.

    •Fornos: utilizado em vidraria limpa e outros materiais (170 – 180/ 1h).

    •Ebulição: não destrói formas esporuladas (100oC, tempo variável).

    •Autoclavação: eficaz sobre todas as formas vegetativas e esporuladas (121oC/15 min).

    •Pasteurização: destrói apenas os microrganismos potencialmente patogênicos. Empregado geralmente em bebidas (62oC/30 min).

     

  3. Diferencie o processo de esterilização utilizando radiação ionizante das radiações não ionizantes. RESP =  Ionizante: forma  radicais reativos (superóxidos) com componentes celulares (DNA). Empregada em produtos cirúrgicos. Ex. raios gama Não-ionizante: induz a formação de dímeros de timina. Utilizado em superfícies (bancadas, centro cirúrgicos, etc.) Ex. luz ultravioleta
  4. Comente sobre o processo de filtração para esterilização de substâncias termolábeis. RESP=  Eliminação de microrganismos de soluções ou de gases através da retenção em membranas de nitrocelulose com poros pequenos. Aplicável na esterilização de soluções termolábeis e do ar. Ex. vitaminas
  5. Em relação a Esterilização por Plasma de Gás, é incorreto afirmar? a) Adequado quando calor ou óxido de etileno não são apropriados; b) Não funcionará na ausência de limpeza; c) Baseado na conversão do vapor de H2O2 a um plasma usando radiação de frequência do rádio; d) O efeito é neutralizado por materiais celulósicos; e) Adequado para todos os metais ou plásticos
  6. Comente sobre o processo de pressão osmótica utilizado no controle de microrganismos. RESP = Destruição de microrganismos através da criação de um ambiente hipertônico (devido ao aumento da concentração de sais ou açúcares). Aplicável na preservação de alimentos e frutas. Ex. salga da carnes e frutas em conservas.
  7. Complete com os termos adequados relacionados à esterilização: - O cirurgião vai intervir na cavidade peritoneal, procura por todos os meios evitar a contaminação do peritónio, utilizando técnicas ASSEPTICAS ; - A água aquecida em recipiente fechado, onde o vapor fica retido sob pressão, atinge temperatura elevada sem ferver, é um princípio da: AUTOCLAVAÇÃO; Para esterilizar a alça de platina, as pipetas, as bocas dos tubos e balões, utiliza-se: FLAMBAGEM; Os quartos de doentes contagiosos devem ser, posteriormente, tratados com formol, objetivando a: DESINFECÇÃO
  8. Considerando que você tenha um material termolábil e deseja esterilizar, quais procedimentos que devem tomar? RESP= Utilizar  procedimentos a baixa temperatura, tais como FILTRAÇÃO EM MEMBRANA MILIPORE, RADIAÇÃO, PLASMA DE GÁS, ETC.
  9. Defina os termos: Assepsia, Anti-sepsia, Desinfecção, Esterilização e Descontaminação.  RESP = Assepsia:  Redução da microbiota em superfície animada, tais como mãos, pele, etc.. Ausência de microrganismos em uma área. Anti-sepsia:  Prevenção de possíveis contaminantes na superfície animada, tais como  pele, mucosas e tecidos vivos. Desinfecção: Redução da microbiota em superfície inanimada. Morte de microrganismos potencialmente patogênicos em objetos, materiais e em ambientes (os esporos bacterianos podem continuar viáveis). Esterilização: destruição ou remoção completa de TODOS os microrganismos. Descontaminação: Tirar a contaminação. Termo impreciso para desinfecção ou esterilização de um material contaminado
  10. Cite duas modalidades de esterilização para material termolábil. RESP= Filtração em membrana milipore, radiação, plasma de gás, etc.
  11. Em relação a microbiota transitória das mãos, é correto afirmar que: a) Os microrganismos isolados ocasionalmente da pele das pessoas são rapidamente removidos pela lavagem ou anti-sepsia das mãos; b) Os microrganismos isolados da pele das pessoas são dificilmente removidos pela lavagem ou anti-sepsia das mãos; c) É constituído por microrganismos persistentemente isolados da pele da maioria das pessoas; d) Os microrganismos da pele das pessoas são dificilmente removidos sendo necessário a fricção vigorosa durante a lavagem das mãos; e) Todas estão corretas 
  12. O processo de lavagem ou antissepsia das mãos depende? a) da intensidade do contato com o paciente ou fômite; b)do grau de contaminação; c) da susceptibilidade do paciente d) do tipo de procedimentos; e) Todas estão corretas
  13. A ordem crescente de resistências de formas de vida aos métodos de controle de microrganismos são: a) Prions, esporos bacterianos, Mycobacterias, vírus não lipidicos, bactérias vegetativas e vírus lipídicos; b) Vírus não lipídicos, bactérias vegetativas, fungos, vírus lipídicos, Mycobacterias, Esporos bacterianos e prions; c) Prions, esporos bacterianos, Mycobacterias, vírus lipidicos, bactérias vegetativas e vírus não lipídicos; d) Vírus lipídicos, bactérias vegetativas, fungos, vírus não lipídicos, Mycobacterias, Esporos bacterianos e prions; e)Vírus não lipídicos, fungos, vírus lipídicos, Mycobacterias, bactérias vegetativas, esporos bacterianos e príons
  14. Por que são necessários tratamentos distintos para controle de microrganismos tais como prions, esporos bacterianos, Mycobacterias, vírus não lipidicos, bactérias vegetativas e vírus lipídicos? RESP=  Os microrganismos apresentam estruturas moleculares em diferentes níveis de resistência
  15. Por quê vidrarias como pipetas, erlenmayers, balão, etc., devem ser acondicionados antes da esterilização? RESP= É uma proteção mecânica para proteção da contaminação do ar da superfície em que esses objetos são colocados
  16. Preparamos grande quantidade de tubos com meio de cultura. Como proceder para verificar a qualidade da esterilização a que foi submetido o material? RESP.  Colocar dois a três tubos na estufa a 37ºC por 24 a 48 horas, sem inocular. Observar o crescimento o que não deve ocorrer nos meios estéril. Se ocorrer é porque houve contaminação (Teste de esterilidade)
  17. As soluções (vitaminas, antibióticos, etc) não podem ser esterilizadas pelo calor sem sofrer graves alterações. As preparações que contêm compostos termolábeis são esterilizados por: a) Tindalização;  b) Pasteurilização; c) Radiação ionizante; d) Filtração em membrana milipore
  18. É possível o médico eliminar todos os microrganismos das mãos antes de fazer uma cirurgia? Justifique a sua resposta. RESP= Não, pois os processos de assepsia por mais eficiente que seja sempre fica as bactérias da microbiota residente
  19. No procedimento da assepsia das mãos utiliza-se álcool diluído a 70%. Porque não se utiliza o álcool concentrado nestes procedimentos?  RESP= O álcool puro não penetra na célula bacteriana devido a sua hidrofobicidade, e desempenha a função de fixação da bactéria no tecido epitelial
  20. O álcool a 70% utilizado na limpeza das mãos e na limpeza da bancada, são respectivamente: (    ) Antisséptico e Desinfetante; (    ) Desinfetante e Antisséptico; (    ) Somente antisséptico; (    ) Somente Desinfetante. JUSTIFIQUE A SUA RESPOSTA. RESP= •Assepsia: Redução da microbiota em superfície animada, tais como pele, mucosa e tecido vvo. Ausência de microrganismos em uma área.  Desinfecção: morte de microrganismos potencialmente patogênicos em objetos, materiais e em ambientes (os esporos bacterianos podem continuar viáveis).
  21. Quais os fatores que influenciam no processo da assepsia das mãos. RESP = Matéria orgânica (sujeira), superfície de descontinuidade (ferimento), área de contato (unhas),  ação mecânica ( escovação), ação química ( detergentes, antissépticos), etc
  22. Quais as possíveis fontes de contaminação das mãos na sua vida cotidiana?  RESP= Os objetos, dinheiro, corrimão das escadas, as pessoas (aperto de mão), o próprio corpo, etc.,,
  23. Comente o significado da frase: “Ao sair da área de radiação, as placas devem ser colocadas em lugar escuro para evitar a fotoreação”.  Resp= A fotorreação é um tipo de reversão de reações em que as bactérias utilizam para  sobreviver a ação de radiações
  24. Qual o mecanismo de ação da radiação U.V. sobre a célula bacteriana? RESP= Formação de dímeros de timinas
  25. Quais os fatores que interferem no processo de esterilização por radiação U.V?  Resp = a superfície atingida, a proteção (anteparos), a distancia, tempo de exposição, etc.,,,
  26. Em que circunstância se deve utilizar a radiação U.V. para proceder a esterilização de um material ou produto? RESP= Quando o material ou produto for termoestável e preencher os critérios básicos para esterilização pela radiação U.V
  27. Quais as vantagens e desvantagem da esterilização por U.V. sobre outros processos físicos? RESP= Vantagens = Econômico, eficaz, atuam em grandes superfície, estereliza o ar e as superfícies dos objetos e aparelhos; adequado para plásticos, tecido, e outros objetos sensíveis ao calor; DESVANTAGEM = Baixo poder de penetração, cancerígeno quando em contato com a pele e mucosa
  28. Qual a influencia da luz branca no processo de esterilização pela radiação Ultra-violeta em ambiente hospitalar? RESP= A luz branca promove a fotorreativação das bactérias que foram expostas, tornando-as resistentes ao processo
  29. Uma academica de enfermagem semeou uma suspensão de bactéria em 4 placas contendo um meio de cultura e expôs com tampa entreaberta à radiação U.V por 15seg., 30seg., 2 min e 5 min. e depois incubou todas as placas 37ºC por 24horas. Observou crecimento continuo nas placas de 15 e 30 segundos. Nas placas de 2 e 5 minutos observou crescimento somente na parte encoberta pela tampa da placa. Que conclusão pode tirar, em relação ao tempo de exposição, intensidade da radiação e ao poder de penetração? 
  30. Qual o significado da morte para uma célula microbiana? E quando ela é considerada morta?  Resp =Para uma célula microbiana a morte significa a perda irreversível da capacidade de reprodução. E a célula é considerada morta se não formar uma colônia em qualquer meio.
  31. O que se entende por  esterilização? É  o processo de destruição de todos os microorganismos
  32. Defina os agentes antimicrobianos bacteriostático e bactericida.RESP=Bacteriostático é o que tem a propriedade de inibir a multiplicação bacteriana; Bactericida é dotado da propriedade de matar bactérias.
  33. Defina desinfetante e séptico. RESP= Desinfetante é a substância química utilizada para destruir microorganismos em superfícies, porém demasiado tóxico para ser aplicada diretamente aos tecidos. E séptico é caracterizado pela presença de microrganismos patogênicos em tecido vivo.
  34. Como pode ocorrer a reversão da ação antibacteriana? RESP = Através da remoção do agente, reversão pelo substrato, inativação do agente e proteção contra “lise”.
  35. Cite os agentes físicos antimicrobianos. RESP = Aplicação de calor e a utilização da luz ultravioleta e radiação ionizante têm várias aplicações para o uso como agentes esterilizantes.
  36. Dê exemplos de agentes químicos antibacterianos. RESP= Álcool etílico, Isopropílico, Fenóis, Sais de Mercúrio, Cobre e Prata e Agentes oxidantes dos grupos sulfidrilas.
  37. Quais são os tipos de detergentes utilizados na desinfecção antimicrobiana? RESP= Os detergentes aniônicos e catiônicos.
  38. Quais são os mecanismos de ação dos agentes antimicrobianos? RESP = Lesão do DNA, desnaturação das proteínas, ruptura da parede celular, inibição da função da membrana  celular
  39. Quais são os desinfetantes mais indicados para inativar microorganismos nos seguintes  locais: Superfície de mesas, no ar, e na pele ou em feridas? RESP= Na mesa é lisol ou formol, no ar é vapor de propilenoglicol ou vapor de formol e na pele lavar com água e sabão, tintura de iodo ou álcool etílico.

Pub

CONSULTORIA ACADÊMICA: 

Professor e orientador para sua vida acadêmica, que propõe dar suporte didático-pedagógico e orientações para que você almeje seus objetivos, de forma prática e rápida.

Existe duas maneiras de chegar a algum lugar. Uma de forma aleatória, com tentativas de acertos e erros; e, outra, orientada e supervisionada por alguém que conhece o caminho das pedras.