Prof.Dr.Luis Carlos Figueira de Carvalho

Widgets

Translate this Page
POS GRADUAÇÃO
Por que fazer uma pós-graduação?
Melhorar curriculo
Ver Resultados

  • Currently 2.75/5

Rating: 2.8/5 (2339 votos)




ONLINE
2






BIOENERGÉTICA

BIOENERGÉTICA

Bioenergética e metabolismo - Parte I

 

Bioenergética e metabolismo - Parte II (acoplamento de reações)

 

Bioenergética e metabolismo - parte III - metabolismo energético e seus mecanismos de controle

 

Na Bioquímica, a Bioenergética seria o estudo quantitativo da transdução de energia que ocorre em células vivas e da Natureza e também a função dos processos químicos que fundamentam essas transduções. A bioenergética está relacionada com processos catabólicos.

 

REAÇÃO DE OXI-REDUÇÃO

 

QUESTÕES

  1. Todos os seguintes intermediários do ciclo dos ácidos tricarboxílicos podem ser adicionados ou removidos por outras vias metabólicas, exceto: a) Citrato; b) Fumarato; c) Isocitrato; d) alfa-cetoglutarato;  e) Oxalacetato
  2. Considere as seguintes proposições:  I – Energia é conservada em organismos vivos por oxidação de combustíveis metabólicos e é armazenada como ligações de alta energia do ATP para fornecer energia para reações de biossíntese, contração muscular e transporte ativo de íons; II – A energia livre de Gibbs prediz a direção de uma reação enzimática e está relacionada com a constante de equilíbrio; III – Piruvato, o produto final do metabolismo da glicose, é oxidativamente descarboxilado à acetil-CoA pelo complexo regulado piruvato desidrogenase. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  3. Alta energia não se refere a uma alta energia de formação (estabilidade de ligação). Uma ligação de alta energia é assim designada por que tem uma alta energia livre de hidrólise. Isso pode surgir pelas seguintes razões: a) Produtos de sua quebra são estabilizados por mais ressonâncias de que o composto original; b) A repulsão eletrostática é aliviada quando a ligação é clivada; c) Um produto de clivagem pode ser instável, tautomerizando para uma forma muito estável; d) A ligação pode ser tensa; e) Todas estão corretas.
  4. Considere as seguintes proposições:  I – Acetil-CoA, o produto final do catabolismo de carboidratos, lipídeos e proteínas, é oxidado pelo ciclo do ácido tricarboxílico localizado na matriz mitocondrial, produzindo NADH e FADH2; II -  NADH e FADH2  são oxidados pela cadeia de transporte de elétrons, organizada em quatro grandes complexos enzimáticos na membrana mitocondrial interna, pela transferência de elétrons em uma série de etapas até o aceptor terminal de elétrons,o oxigênio; III – A energia liberada durante as reações oxidativas da cadeia de transporte de elétrons é conservada como gradiente de prótons e de cargas através da membrana mitocondrial interna; Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  5. São enzimas da espaço intermembrana das mitocôndrias: a) Monoaminooxidase e Quinurenina hidroxilase; b) Nucleosídeo difosfato quinase e fosfoquinase; c) Acil graxo-CoA sintetase; d)Adenilato quinase, Nucleosídeo difosfato quinase e creatina quinase; e)NADH:citocromo c redutase e Colina fosfotransferase;
  6. A energia liberada durante as reações oxidativas da cadeia de transporte de elétrons é conservada como gradiente de prótons e de cargas através da membrana mitocondrial interna. O gradiente dirige a síntese de ATP catalisada pela ATP sintase. Esse processo é denominado: a) Fosforilação oxidativa; b) Ciclo de Krebs; c) Respiração mitocondrial; d) Citocromo oxidase;  e) Citocromo mitocondrial
  7. ATP sintase (também conhecida como complexo V) consiste de dois domínios, F1 e Fo: a) F1 e Fo são ambos complexos protéicos integrais de membrana da membrana interna; b) O domínio F0 fornece um canal para deslocamento de prótons através da membrana; c) F1 se liga a ATP e a ADP; d)Mudança de conformação de diferentes subunidades são importantes nas ações de ambos domínios F1 e Fo; e)Todas estão corretas
  8. Considere as seguintes proposições:  I – Sistema de transporte localizados na membrana mitocondrial interna facilitam o movimento de substratos e de intermediários para dentro e para fora da matriz mitocondrial;  II – Mitocôndrias de mamíferos têm um DNA circular singular que codifica proteínas de cadeia de transporte de elétrons, ATP sintase e RNA ribossômico mitocondrial; III – A transferência, passo a passo, de elétrons para o oxigênio resulta na formação de ânions superóxidos (O2-),peróxido de hidrogênio (H2O2) e radicais livres de hidrogênio (OH-), que causam dano celular por peroxidação lipídica, oxidação de proteínas e mutações de DNA. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  9. Durante a transferência de elétrons para o O2 via cadeia de transporte de elétrons mitocondrial: a) A energia liberada é utilizada para deslocar prótons através da membrana interna; b) Um gradiente de próton é gerado, com a matriz ficando mais positiva do que o espaço intermembranas; c) O bombeamento de prótons através da membrana ocorre a cada vez que os elétrons se movem; d) Nenhum gradiente de cargas se desenvolve porque um OH- se move a cada vez que um próton o faz; e) A energia é usada diretamente na adição de Pi ao ADP para formar ATP
  10. A transferência, passo a passo, de elétrons para o oxigênio resulta na formação de ânions superóxidos (O2),peróxido de hidrogênio (H2O2) e radicais livres de hidrogênio (OH-), que causam dano celular por: a)Peroxidação lipídica; b) Oxidação de proteínas; c) Mutações de DNA; d) Peroxidação lipídica e Oxidação de proteínas; e) Todas estão corretas
  11. Células vivas dependem de um sistema complexo, sofisticadamente regulado, de reações químicas produtoras e consumidoras de energia, chamado: a) Fosforilação oxidativa; b) Ciclo de Krebs; c) Respiração mitocondrial; d) Metabolismo;  e) Citocromo mitocondrial
  12. Considere as seguintes proposições:  I – O metabolismo consiste de dois processos contrastantes, catabolismo e anabolismo, que juntos constituem as mudanças químicas que convertem alimentos em formas utilizáveis de energia e em moléculas biológicas complexas; II – O anabolismo é responsável pela degradação dos alimentos ingeridos ou de combustíveis armazenados, como carboidratos, lipídeos e proteínas em forma de energia que possam ser utilizadas ou armazenadas; III – Reações catabólicas geralmente, resultam na conversão de moléculas grandes e complexas em moléculas menores (finalmente CO2 e H2O) e, em mamíferos, frequentemente requerem consumo de oxigênio (O2). Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  13. Em relação ao catabolismo é incorreto afirmar: a) As reações oxidativas do catabolismo transfere equivalentes de redução para as coenzimas NAD+ e NADP+  para formar NADH e NADPH;  b) Reações catabólicas são, em geral, endergônicas, com a energia absorvida, geralmente, capturada na formação de ATP; c) As vias anabólicas são responsáveis pela biossíntese de moléculas grandes e partir de precursores menores, e requerem investimento de energia, na forma de ATP ou equivalentes de redução de NADPH; d) Muitos processos catabólicos são de natureza oxidativas porque os carbonos do substrato, carboidratos, gorduras e proteínas, estão em um  estado parcialmente reduzido; e) Equivalentes de redução são liberados dos substratos como prótons e elétrons, que são transferidos para NAD+ por desidrogenases.
  14. Muitos processos catabólicos são de naturezas oxidativas porque os carbonos dos substrato, carboidratos, gorduras e proteínas, estão em um estado parcialmente ou altamanete reduzido. ­­Equivalentes de redução são liberados dos substratos como prótons e elétrons, que são transferidos para NAD+ por enzimas chamadas: a) Oxiredutase; b) Transferases; c) Desidrogenases; d) Isomerases;  e­) Ligases
  15. Em relação a ROS (Espécies Reativas de Oxigênio) podemos afirmar: a) A transferência de 4 elétrons para o oxigênio produz água e Radicais de oxigênio ocorrem quando elétrons são adicionados passo a passo ao O2; b) Peróxido de oxigênio (H2O2) também é incluído como oxigênio reativo porque pode produzir –OH; c)Fosfolipideos, proteínas e ácidos nucleicos são sujeitos a oxidação, com efeitos deletérios; d) Glutationa peroxidase catalisa a redução de contra  H2O2  a H2O; e) Todas estão corretas
  16. As reações oxidativas em mitocôndrias são exergônicas, onde a energia produzida é usada para síntese de ATP, em um processo chamado: a) Fosforilação oxidativa; b) Ciclo de Krebs; c) Respiração mitocondrial; d) Metabolismo;  e) Citocromo mitocondrial
  17. As reações redutoras e oxidativas no ciclo NAD+/NADH são centrais na conversão de energia química de compostos de carbono dos alimentos em ligações fosfoanidrido do ATP. Esse processo chama-se: a) Fosforilação oxidativa; b) Ciclo de Krebs; c) Respiração mitocondrial; d) Transdução de energia e) Metabolismo oxidativo
  18. Uma ligação pode ser de alta energia por qualquer das seguintes razões, exceto: a) Produtos de sua quebra são estabilizados por mais ressonâncias de que o composto original; b) A repulsão eletrostática é aliviada quando a ligação é clivada; c) A ligação é excepcionalmente estável, requerendo um investimento de muita energia para clivá-la; d) Um produto de clivagem pode ser instável, tautomerizando para uma forma muito estável; e) A ligação pode ser tensa.
  19. Em relação ao ciclo de Krebs, é correto afirmar: a) O citrato é transportado para fora da mitocôndria para ser usado como fonte de acetil-CoA citoplasmático; b) Fumarato é produzido durante a degradação de fenilalanina e tirosina; c) alfa-cetoglutarato pode ser formado apatir de glutamato; d) Oxalacetato é produzido pela piruvato carboxilase, e é usado na gluconeogênese; e) Todas estão corretas
  20. A membrana mitocondrial interna contém um transportador para: a) NADH e NADPH; b) Acetil-CoA; c) GTP; d) ATP; e) Todas estão corretas
  21. Em relação a transferência de elétrons para o O2 via cadeia de transporte de elétrons mitocondrial é incorreto afirmar: a) O movimento de prótons é da matriz mitocondrial para o espaço intermembranas, de forma que o último se torna mais positivo; b) Somente alguns transportadores de elétrons têm energia suficiente para bombear prótons; c) Os íons negativos são transportados com prótons, de modo que surge um gradiente de carga; d) A energia é necessária para liberar o ATP da subunidade, não para síntese em si; e) A energia liberada é utilizada para deslocar prótons através da membrana interna
  22. ATP sintase (também conhecida como complexo V) consiste de dois domínios, F1 e Fo: a) F1 e Fo são ambos complexos protéicos integrais de membrana da membrana externa; b) O domínio F1 fornece um canal para deslocamento de prótons através da membrana; c) F1 se liga a ATP, mas não ADP; d) O domínio  F1  catalisa a síntese de ATP; e) Apenas o domínio F1 contém mais de uma subunidade
  23. Em relação a ROS (Espécies Reativas de Oxigênio) assinale a opção incorreta: a) Resultam quando há adição combinada de quatro Elétrons de uma vez ao O2; b)ânion superóxido (O2-) e radicais hidroxila (-OH) são duas formas de oxigênio reativo; c) Superóxido dismutase é uma enzima de ocorrência natural que protege contra danos por convereter (O2-) em H2O2; d) Espécies Reativas de Oxigênio danificam fosfolipideos, proteínas e ácidos nucléicos; e) Glutationa protege contra  H2O2 por reduzí-lo a H2O.
  24. O grupo acetato que serve de fonte de combustível para o ciclo dos ácidos tricarboxílicos ( Ciclo de Krebs) é derivado das principais vias metabólicas geradoras de energia das células. Estas incluem: a) Oxidação de ácidos de cadeia longa por β-oxidação; b) Quebra de carboidratos ingeridos ou armazenados pela glicólise; c) Oxidação dos corpos cetônicos (acetato e β-hidroxibutirato); d) Oxidação de etanol e quebra oxidativa de certos carboidratos; e) Todas estão corretas
  25. Considere as seguintes proposições:  I – A Coenzima A e acetil-CoA são moléculas pequenas, hidrofílica, livremente transportados através de membranas celulares; II - A Coenzima A, consiste de β-mercaptoetilamina, a vitamina ácido pantotênico e o adenina-nucleotídeo adenosina 3’-difosfato 5’-difosfato; III – Nas células, a Coenzima A existe na forma de tiol reduzido (CoASH), que forma ligações tioéster de alta energia com grupos acil e está envolvida em reações de transferências nas quais CoA serve como aceptor, depois doador, do grupo Acil. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  26. Em relação a regulação do complexo piruvato desidrogenase, podemos afirmar: a) CoA e NADH inibem o complexo de modo competitivo, agindo como inibidores de retroalimentação ( feedback); b) O complexo é ativado quando desfosforilado e inativado quando fosforilado; c) A inativação é realizada por uma proteína quinase Mg2+-ATP-dependente, que fica firmemente ligada ao complexo; d) Ativação é realizada por uma fosfoproteína fosfatase, que também fica associada com o complexo e funciona de modo Mg2+-Ca2+-dependente; e) Todas estão corretas
  27. Em relação ao mecanismo do complexo multienzimático piruvato-desidrogenase pode-se afirmar que: I – O piruvato desidrogenase catalisa a descarboxilação oxidativa do piruvato e a transferência do grupo acetil primeiro para lipoamidas; II – A di-hiidrolipoil transferase transfere o grupo acetil da lipoamida para a Coenzima A; III - A di-hiidrolipoil desidrogenase reduz a lipoamida oxidada. Conclui-se que: a) Somente as afirmativas I e II estão corretas; b) Somente as afirmativas I e III estão corretas; c) Somente as afirmativas II e III estão corretas; d) Somente a afirmativa II está correta; e) Todas as afirmativas estão corretas
  28. São enzimas da matriz das mitocôndrias: a) Complexo piruvato desidrogenase, citrato sintetase e isocitrato desidrogenase; b) Complexo alfa-cetoglutarato desidrogenase, aconitase e fumarase; c)Succinil-CoA sintase, Malatodesidrogenase e glutamato desidrogenase; d) Glutamato oxalacetato transaminase, ornitina transcarbamoilase e carbamoil fosfato sintases; e) Todas estão corretas
  29. Em relação ao ciclo do ácido tricarboxílico (TCA) pode-se afirmar que: I – O substrato do ciclo TCA é a unidade de dois carbonos acetil-CoA, e os produtos de uma volta completa do ciclo são dois CO2, uma ligação fosfato de alta energia (como GTP), três NADH, e um FADH2; II – Os NADH e  FADH2 são subsequentemente oxidados pela cadeia de transporte de elétrons, com produção de 9 ATP; III – Os 10 ATP ou seu equivalente (GTP) são produzidos durante a redução de um acetato no ciclo TCA. Conclui-se que: a) Somente as afirmativas I e II estão corretas; b) Somente as afirmativas I e III estão corretas; c) Somente as afirmativas II e III estão corretas; d) Somente a afirmativa II está correta; e) Todas as afirmativas estão corretas
  30. São etapas do metabolismo oxidativos: a) Oxidação dos metabólitos energéticos (Ciclo de Krebs), na matriz mitocondrial, com produção de coenzimas reduzidas FADH2 e NADH; b) Oxidação das coenzimas com liberação de elétrons; c) Transporte de elétrons através da membrana mitocondrial interna e transferência de elétrons para o oxigênio, formando água; d) Formação de um gradiente de H+, na membrana mitocondrial, estimulando a ATP sintetase (ADP:ATP translocase; e) Todas estão corretas
  31. A conversão de alfa-cetoglutarato em succinil-CoA é catalisada pelo complexo alfa-cetoglutarato desidrogenase, que é quase idêntico ao complexo piruvato desidrogenase em termos de reações individuais catalisadas e sua características estruturais. Participam do mecanismo catalítico: a)Tiamina pirofosfato; b) ácido lipóico; c) CoASH; d) FAD e NAD+; e) Todas estão corretas
  32. São enzimas da membrana externa das mitocôndrias: a) Monoaminooxidase e Quinurenina hidroxilase; b) Nucleosídeo difosfato quinase e fosfoquinase; c) Acil graxo-CoA sintetase; d)NADH:citocromo c redutase e Colina fosfotransferase; e) Todas estão corretas
  33. No ciclo do ácido tricarboxílico: a) O succinato é oxidado a fumarato pelo succinato desidrogenase, uma enzima complexa fortemente ligada à membrana mitocondrial interna; b) Fumarato é hidratado para formar L-malato pela fumarase; c) A reação final do ciclo TCA é catalisada pelo succinato desidrogenase, na qual os equivalentes de redução são transferidos pela NAD+ para formar NADH + H+;  d) O NADH produzido pelas três desidrogenases NAD+-ligadas no ciclo TCA é rapidamente oxidado a NAD+ pela cadeia respiratória, favorecendo assim a direção para frente da malato desidrogenase; e) Todas estão corretas
  34. A reação final do ciclo TCA é catalisada pelo: a) succinato desidrogenase; b) Citrato sintetase; c)Aconitase; d) alfa-cetoglutarato desidrogenase; e) Succinil CoA sintetase
  35. Em relação ao ciclo de Krebs, é incorreto afirmar: a) A succinato desidrogenase é fortemente inibida por malonato e oxalacetato; b) A succinato desidrogenase é ativada por ATP, Pi e succinato; c) Malonato inibe a succinato desidrogenase competitivamente com relação ao succinato, em virtude da grande semelhança estrutural entre o malonato e sucinato; d) A fluoroacetato é um potente inibidor do ciclo, agindo diretamente nas enzimas; e) O fluoroacetato é convertido em fluorocitrato, que é um potente inibidor da aconitase
  36. Elétrons são transferidos pelo complexo III por citocromo c, uma proteína hidrofílica globular de 13 kDa. O grupo heme planar localiza-se no meio da proteína, circundado por resíduos  hidrofóbicos  e covalentemente ligado a dois resíduos conservados de AMINOÁCIDO-1, por meio de ligações vinil éter. O ferro do heme é coordenado com um nitrogênio de um AMINOÁCIDO-2 e um átomo de enxofre de AMINOACIDO-3, impedindo assim a interação do heme com oxigênio. Os aminoácidos 1, 2 e 3, são respectivamente: a) Metionina, histidina e cisteína; b) Cisteina, metionina e histidina; c) Cisteína, histidina e metionina; d)Histidina, cisteína e metionina; e) Histidina, metionina e cisteína
  37. O destino do acetil-CoA gerado na matriz mitocondrial incluem: a) Completa oxidação do grupo acetil no ciclo TCA para geração de energia; b) Conversão do excesso de acetil-CoA nos corpos cetônicos no fígado; c) Conversão do excesso de acetil-CoA no β-hidroxibutirato no fígado; d)Transferência de unidades acetil como citrato para o citosol, com consequente síntese de ácido graxos de cadeias longas e esteroides; e) Todas estão corretas
  38. O ciclo TCA é a via final comum para quebra de alimentos, entretanto os compostos de 4, 5 e 6 carbonos gerados nas reações do ciclo TCA são importantes intermediários em processos biossintéticos. São todos precursores da biossíntese de importantes compostos celulares, exceto:  a) Fosfoglicerato; b)Succinil-CoA e Malato; c) Oxalacetato; d) alfa-cetoglutarato;  e) Citrato;
  39. Considere as seguintes proposições:  I –  O oxalacetato é transaminado a aspartato, o precursor da asparagina e das pirimidinas citosina, uracil e timina; II - O oxalacetato é convertido em fosfoenolpiruvato, um intermediário chave da gliconeogênese; III - O oxalacetato atravessa membrana mitocondrial interna, sendo convertido em malato, que é transportado por um transportador específico para fora da mitocôndria e oxidado a oxalacetato, que é então convertido em Fosfoenolpiruvato. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  40. Alguns aminoácido são fontes de intermediários de 4 ou 5 carbonos. A respeito disso, considere as seguintes proposições:  I – O glutamato é convertido pela glutamato desidrogenase em alfa-cetoglutarato em mitocôndrias; II – Aspartato é convertido em oxalacetato por transaminação, enquanto valina e isoleucina são quebradas a propianil-CoA; III – Aminoácidos derivados da quebra de músculo tornam-se uma fonte importante de malato para gliconeogênese durante o jejum. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  41. São enzimas da membrana interna das mitocôndrias: a) Succinato desidrogenase, F1Fo ATP sintase e NADH desidrogenase; b) β-hidroxibutirato desidrogenase, carnitidina acil-CoA transferase; c)Adenina-nucleotideo translocase e transportadores de mono-di- e tricarboxilato; d) Transportadores de glutamato-aspartato e glicerol-3-fosfato desidrogenase; e) Todas estão corretas
  42. O transporte mitocondrial de elétrons consiste de uma sequência de reações de oxidação-redução ligadas. A respeito disso considere as seguintes proposições: I – O redutor de um par redox com um potencial negativo grande doará seus elétrons mais facilmente do que pares redox com potenciais negativos menores ou positivo; II – Compostos com potenciais negativos grandes são agentes redutores fortes; III – Um oxidante forte (por exemplo um caracterizado por um potencial positivo grande) tem uma afinidade muito alta por elétrons e oxida compostos com potenciais padrões mais negativos. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  43. Os transportadores de elétrons mitocondriais ficam agrupados em quais dos seguintes complexos que catalisam diferentes reações parciais da cadeia de transporte de elétrons: a) Complexo I, NADH-ubiquinona óxido-redutase, que catalisa a transferência de elétrons do NADH para a ubiquinona ou coenzima Q;  b) Complexo II, succinato-ubiquinona óxido-redutase ou succinato desidrogenase, que transfere elétrons do succinato para coenzima Q; c) Complexo III, ou complexo citocromo bc1, ubiquinol-citocromo c redutase, que transfere elétrons de ubiquinol para o citocromo c; d) Complexo IV, citocromo c oxidase, que transfere elétrons do citocromo c para o oxigênio; e) Todas estão corretas
  44. Considere as seguintes proposições:  I –  Os nucleotídeos envolvidos em reações celulares de oxidação-redução (NAD+, NADH, NADP+, NADPH, FAD e FADH2) e CoA e seus derivados são transportados através da membrana mitocondrial interna; II – Para transportar equivalentes de redução ( por exemplo prótons e elétrons) do citosol para matriz ou o inverso, são necessários mecanismos de lançadeiras de substrato; III – A lançadeira malato-aspartato e a lançadeira alfa-glicerol-fosfato são empregados em vários tecidos para deslocar equivalentes de redução do citosol para a matriz , para oxidação e geração de energia. Conclui-se que: a) Somente as proposições I e II estão corretas; b) Somente as proposições I e III estão corretas; c) Somente as proposições II e III estão corretas; d) Somente a proposição II está correta; e) Todas as proposições estão corretas
  45. Se cianeto for adicionado a mitocôndrias acopladas, que estão oxidando ativamente succinato: a)Adição subsequente de 2,4-dinitrofenol causará hidrólise de ATP; b) Adição subsequente de 2,4-dinitrofenol restaurará a oxidação de succinato; c) O fluxo de elétrons vai parar, mais a síntese de ATP continuará; d) O fluxo de elétrons vai parar, mas a síntese de ATP pode ser restaurada por subsequente de 2,4-dinitrofenol; e) Adição subsequente de 2,4-dinitrofenol e do inibidor de fosforilação oligomicina causará hidrólise de ATP.

 

QUESTÕES SUBJETIVAS

  1. Relacione as etapas enzimáticas do ciclo de Krebs. Resp = 1 - Síntese do Citrato; 2 - Conversão do Citrato a Isocitrato, via Cis-Aconitato;  3 - Oxidação descarboxilativa do Isocitrato a α -Cetoglutarato ; 4 - Oxidação descarboxilativa do a -KG a Succinil-CoA;  5 - Hidrólise do Succinil-CoA a Succinato; 6 - Oxidação do Succinato a Fumarato; 7 - Hidratação do Fumarato a Malato; 8 - Oxidação do Malato a Oxaloacetato, que inicia um novo ciclo.
  2. Relacione as principais enzimas do ciclo de Krebs. RESP = 1 - Citrato sintase; 2 – aconitase; 3 - isocitrato descarboxilase;  4 - a-cetoglutarato desidrogenase; 5 . succinil CoA sintetase; 6 - succinato desidrogenase; 7 -  fumarase; 8 - malato desidrogenase

Pub

CONSULTORIA ACADÊMICA: 

Professor e orientador para sua vida acadêmica, que propõe dar suporte didático-pedagógico e orientações para que você almeje seus objetivos, de forma prática e rápida.

Existe duas maneiras de chegar a algum lugar. Uma de forma aleatória, com tentativas de acertos e erros; e, outra, orientada e supervisionada por alguém que conhece o caminho das pedras.